Páginas

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

O VALOR DO SOFRIMENTO


O sofrimento é um caminho inevitável ao nosso crescimento. Ele nos ensina a vida, a apreciá-la, ter mais prazer em senti-la e vivê-la inteiramente.
Nascemos pedra bruta, embora já cheguemos a esse mundo carregando toda uma bagagem de características que nos fazem únicos.
E as dificuldades nos lapidam. Por vezes, tanto e tanto, que não compreendemos. Nos olhamos no espelho e nos perguntamos “por que eu?”. Olhamos as crianças que sofrem e nos dizemos “que injustiça!”.
Olhamos à nossa volta, vemos pessoas rindo despreocupadas e nos sentimos ainda piores, como se a felicidade dos outros pudesse aumentar nossa dor.
Mas o sofrimento é uma condição do nosso aperfeiçoamento. Olhemos as flores que são podadas cada ano! Elas choram também. Mas... em cada galho cortado um novo broto se forma. E como as flores são mais belas, viçosas, renovadas! Elas renascem a cada vez, enquanto a base fica cada vez mais forte e sólida.
E a vida nos poda com freqüência. Umas pessoas mais que outras. Os que aceitam as dores e fazem delas escudo tornam-se grandes, grandiosos mesmo. Os que se debatem tentando evitá-las, são sufocados e morrem pequeninos.
Grandes homens e mulheres têm geralmente atrás de si uma grande história de lutas e batalhas.
Só percebemos o valor das coisas quando não temos mais ou quando arriscamos perdê-las. Quem nunca sentiu fome e sede realmente não sabe o valor real de um prato de comida ou de um copo de água. Esses são tesouros inestimáveis para quem carece deles.
Não lamente porque a vida te trouxe sofrimentos, quer sejam físicos ou emocionais.
Aceite-os! E faça deles sua arma de luta. Diga-se que quando a tempestade tiver passado você vai poder olhar para o céu calmo e contar as estrelas que te olham de longe... e te admiram, com certeza!
Assim é a vida. Aprenda que os sofrimentos não vêm para te derrotar, mas para te tornar mais forte.
A felicidade, você merece como todo mundo, só que através das suas provações você vai ter uma visão diferente do que ela representa.
Abençoadas sejam as dores se, nos tornando humildes, nos engrandecem!
Abençoada seja a vida que, nos lapidando, faz de nós uma jóia inigualável e sem preço.

7 comentários:

Jorge disse...

Que belo texto, Maria José.
Sofremos porque ainda estamos apegados ao mundo material e ao nosso ego.
Bom seria se aproveitássemos os bons momentos para aprender. Mas, é no sofrer que toca fundo o nosso ser. Que nos empurra para crescer. Preferimos a dor ao amor, não é mesmo?

Beijo,
Jorge

Rejane disse...

Belo texto!! Existe uma canção que diz assim:"SEM SOFRER, NÃO SE APRENDE A AMAR..."
Bom final de semana querida!! bjos

Carmem L Vilanova disse...

'E muito interessante como o sofrimento, a dor, nos ensina muito mais que a felicidade... mas nao reclamo... sofro e agradeco, pois sei que daquele sofrimento poderei tirar grandes aprendizados e transformar tudo ao meu redor em felicidade... :o)

Lindo texto, tanto como o outro, sobre a casa e o lar... eu ja' consegui transformar minha casa em um lar... oxala' todos pudessem fazer o mesmo... vale a pena!

Beijos, flores e muitos sorrisos!

angela disse...

Aprendi que a dor aumenta ocração.
beijos

Antonio Carlos disse...

Paz querida irmã Maria José!
Nosso querido Mestre e Senhor Jesus consolando seus discipulos acerca das dificuldades que a vida apresenta disse em João 16.33:"Estas coisas vos tenho dito para que tenhais paz em mim. No mundo, passais por aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo."
Conta-nos a tradição judaica que ao se aproximar a data do aniversário do Rei Davi, seus ministros debateram acerca do presente que lhe dariam, mas apesar de muito discutirem não chegaram a nenhum consenso,pois tudo que pensavam ele já possuia, e como última tentativa decidiram procuraram o jovem Salomão, filho do Rei, para saber dele o que fariam.
Explicaram-lhe o impasse no qual estavam e Salomão lhes disse: fazei um anel de ouro chapado, sem pedras preciosas e escrevei em cima :"isso também passará!". Acharam que se tratava de uma peça muito simples e querendo saber porque uma jóia tão sem atrativos agradaria ao Rei perguntaram a Salomão que significado teria. Então Salomão lhes explicou: Quando todas as coisas estiverem dando certo e houver paz em todo o reino ele olhará para o anel e saberá que "isso também passará!" e isso fará com que não se ensoberbeça; e quando as coisas estiverem ruins e houver guerras e ele se sentir perdido, olhando para o anel saberá que "isso também passará!" e terá o coração consolado, na certeza de que Deus cuida de todas as coisas sempre.
A vida é assim, cheias de lutas e vitórias, mas quando nos entregamos a Deus sabemos que Ele cuida de nós em todos os momentos, apesar das circunstâncias muias vezes dizerem o contrário.
Que o Senhor nos dê sempre um coração confiante.
Querida irmã, que o Senhor continue te abençoando hoje e sempre, dando sabedoria e entendimento em todas as coisas, na certeza que você é uma bênção aos olhos dele.
Sempre juntos em Jesus.
Antonio Carlos
www.procurandoosperdidos.com

alegria de viver disse...

Olá querida amiga
Por mais que a gente saiba, sempre no sofrimento é que temos a real sabedoria, se aprendemos logo nosso ego foi superado, pena que na frente esquecemos e voltamos a sofrer.
Com muito carinho BJS.

ONG ALERTA disse...

As pessoas hoje sofrem sem necessidade, sem saber porque sem motivo, a vida tem muito mais para dar paz a todos.