Páginas

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

OS QUATRO COMPROMISSOS




1.                   Seja impecável com sua palavra.
Este é o mais importante e também o mais difícil de cumprir. A palavra tem poder. Ela é sua capacidade de expressar e comunicar tudo o que você pensa e sente. Assim ela pode te libertar ou te escravizar, pois tem o poder de criar. Ser impecável é não contrariar sua natureza, assumindo responsabilidades por seus pensamentos e sentimentos e atos, sem julgamentos ou culpas. Usar a palavra na direção da verdade dissolve todo o medo e transforma em alegria e amor, ajudando a criar uma realidade diferente.
2.                   Não leve nada para o lado pessoal.
Seja o que aconteça com você, não leve para o lado pessoal. Se alguém fizer um comentário maldoso como: “Você é um estúpido”, sem conhecê-lo, quem o fez não está falando de você e sim de si mesmo. Se você levar para o lado pessoal, você vai afirmar para si mesmo que é estúpido e até possa pensar assim: “Como ele sabe? Será clarividente ou todos percebem que sou estúpido?” Se você levar tudo que for dito para o lado pessoal é como se você confirmasse que o que está sendo dito é verdade e então esta crença passa a fazer parte da sua autoimagem, a aí pronto, o veneno já está instalado, o outro jogou e você acolheu. Por isso temos que aprender a filtrar e perceber que o que o outro diz sobre você é a visão que ele tem de si mesmo.
3.                   Não tire conclusões.
Temos a tendência a tirar conclusões sobre tudo e levamos para o lado pessoal. Acreditamos sempre que a nossa forma de pensar e agir é a correta e assim tiramos nossas conclusões precipitadamente, culpando e reagindo, enviando veneno emocional com nossas palavras. Sem perceber fazemos comentários e “fofocamos” sobre nossas conclusões e então transferimos uns com os outros estes venenos por nossa ótica pessoal sobre alguém ou alguma situação. E com certeza o dia que você parar de tirar conclusões sua comunicação será clara e livre dos “achismos” que são os venenos emocionais e todos os seus relacionamentos irão se transformar.
4.                   Dê sempre o melhor de si.
Neste compromisso colocamos em prática todos os outros compromissos. É o que nos coloca em estado de alerta para que “façamos o melhor”, pois tudo depende de nós. Na maioria das vezes só agimos quando esperamos por uma recompensa, ou então, quando se chega no limite de algo e esse é o motivo pelo qual não fazemos o melhor. Devemos aprender a dizer “não” quando tiver de dizer “não”, e “sim” quando tiver de dizer “sim”. Temos condições de transformar nossos dias em dias melhores, e assumir uma postura mais otimista diante da vida, transcendendo a experiência humana que possui muitos obstáculos e sofrimento, em momentos divinos. Essa é a grande recompensa de dar o nosso melhor, entrar em contato com aquilo que há de mais belo em nosso interior, o melhor de nossas faces, o que há de mais verdadeiro.

4 comentários:

Rô... disse...

oi minha amiga,

acho que dar sempre o melhor de nós é o grande segredo,
aprender a ser melhor sempre...
belíssimo texto...

beijinhos

MOMENTOBRASILCOM.COM disse...

MARIA JOSÉ,

O paragráfo inicial da tua postagem, define bem como começa a descrição do Homem de Bem. Bjs. Roy Lacerda.

Claudia disse...

Que texto lindo e verdadeiro....aceitar o outro dentro de sua evolução, enxergar com os olhos do coração! demais!! beijos e boa semana!

Juan José disse...

Compromisos para tenerlo presentes siempre... os invito a mi 2do Blog.. http://mixturadeversos.blogspot.com/

Obrigado por sus visitas.. Un abrazo