Páginas

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

DE MALAS PRONTAS


Tenho e sempre tive a convicção de que esta vida aqui é uma estação de uma longa viagem de origem e destino desconhecidos.
Mas todas as vidas: a minha, a sua, a de todos, passam pelo mesmo caminho que leva ao crescimento humano e espiritual.
Tem quem queira passar voando pela estrada. Tem quem queira interrompê-la abruptamente. Tem quem passe alheio a tudo, até mesmo à vida.
Esse aí não vive na verdade, passa o tempo inteiro da viagem sentado à beira do caminho. Sem aprender, sem progredir, sem crescer. Não viaja, nem vive, só sobrevive.
Pra alguns a viagem é curta, nem chega a desembarcar, embarca de volta. Pra outros a viagem é longa!
Há quem leve na bagagem experiências ruins. N’outras bagagens as experiências ruins se transformam em peso. Pesam muito, viram mágoa e se transformam em doença.
Na minha bagagem, transformo as experiências ruins em aprendizado. Isso as torna leves.
Na minha estrada observo cada pedrinha do caminho. O sol, a chuva, as folhas, as plantas, animais. Sou feliz por viver, por respirar, andar, enxergar, poder falar, ter corpo perfeito, cérebro que funciona, mente que trabalha.
Observo especialmente o ser humano e suas diversas vestes. Não as do corpo, porque são irrelevantes, mas as da alma.
A veste da cultura pode encobrir uma personalidade bronca, rude, vazia, egoísta.
O ouro, a riqueza, podem encobrir a pobreza extrema do espírito
Em contrapartida a veste da simplicidade pode encobrir um espírito de um estado de nobreza irretocável, sutil, de uma elevação indescritível.
Fim de ano é tempo de repensar. Reavaliar o que foi feito durante um ano inteiro e sobre o que se pretende mudar. Ano novo é hora de novos sonhos, novas autopropostas.
Nem o cenário nem o figurino são essenciais, são meros detalhes. Não importa se vou virar o ano dormindo. Só não posso dormir por mais um ano. Fechar os olhos aos meus objetivos, às minhas metas, ao meu melhoramento.
Se eu fizer isso não será um ano novo. Não será nada além de “mais um novo ano velho”.
Fecho o ano agradecendo. Agradecendo a chance de existir, de respirar, andar, enxergar. Ter tido o privilégio de ser trazida a terra pelos meus anjos: pai e mãe. Ter uma família especial, ter tido uma infância de sonhos e oportunidade de aprendizado de vida, de valor imensurável. Oportunidade de ter saúde bastante para dar vida à outra vida.
Oportunidade de trabalho, sob todos os ângulos. Pela oportunidade da queda que ensina a levantar, pela oportunidade dos enganos, pra aprimorar escolhas. Pela tentativa constante e incansável de manter mãos e coração limpos. Pela presença de pessoas que me amam e a quem amo também.
E o presente de amigos “presentes”, os mais distantes, os de sempre e os que chegaram de surpresa.
Estou pronta pra me revisar, me reavaliar. Estou de malas prontas.
Faça as malas você também. Deixe pra traz o que você não conseguiu melhorar. Melhore-se, melhore a vida de quem puder, melhore o seu jeito de olhar e agir com o outro, com o mundo.
Siga em frente e boa viagem!

8 comentários:

Dilmar Gomes disse...

Excelente texto, dica valiosa para nós, que lemos.
Um abração. Tenhas uma linda tarde.

Bia Jubiart disse...

Boa noite Maria!

Excelente reflexão! Infelizmente tem muitas pessoas que não conseguem arrumar essa mala...

Tenha uma noite luz!

Beijooo

ONG ALERTA disse...

Querida concordo que cada um tem um tempo por aqui não importa se longo o curto pois cada um tem uma tarefa a cumprir e que todos possam saber o que levar um sua mala....grande beijo Lisette.

Mel disse...

Obrigada sempre pelas tuas palavras ;)

Rô... disse...

oi minha amiga,

a vida foi me ensinando o que é imprescindível colocar na minha mala...

beijinhos

Crista disse...

Aaeeeeeeeee ... CHEGUEI !!!!
Sabes que sou eu, né ????
A "menina" dos olhos azuis como a cor do céu !!!
PARAAAAAA ... não precisas pensar:
Ahhhhhhhh ... é a GALINHA AZUL...
Eu sei que isso é para ser um elogio, que eu lembro a galinha azul, linda,formosa e carnuda da Nestlé ...
Mas convenhamos, que para alguns, vai parecer que sou galinha mesmo ... aquela, sem penas, tu me entendes, não é?
Mas também nem ligo se for essa, pois como boa camponesa, sei que galinha não é galinha (que dá pra todo mundo) ... galinha é galinha(coitadinha)porque os galos "pegam" ela na marra, não porque ela quer dar para todos os galos ... entendeu como é o "negócio" no galinheiro ????
Agora chega ... já expliquei tudinho e sei que amastes saber mais sobre o reino das penosas ... ksksksks...
Sei também que tu devias estar no desespero para saber notícias minhas ... pois que tua sorte já estava sumindo, pois EU SOU UM AMULETO muito especial para quem me conhece...
Basta passar a mão,esfregar até esquentar e vaptivupitiiiiiiiiii...os desejos se realizam...
Como daqui para adiante TUDO ESTARÁ nos conformes, pois já dei o ar de minha graça, já me vou, sem antes deixar um beijo enorrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrme em tuas bochechas e aproveito, para te dizer, que te gosto demais da conta e que esse meu "bilhete" vai ser "control c e v", mas isso não diminui meu carinho por tu ... é que estou muito atrasada com meus compromissos e quando demoro muito sentada, meu rabinho começa a doer ou então adormece e depois começa a pinicar e tu sabes que dá uma coisa muito gostosa essa sensação ...
Para evitar maiores “problemas” ...me vou, mas me volto SEMPRE, porque tu és meu tatuzinho mais amado do meu coração !
Tenho certeza de que só pensas coisas boas sobre mim, quando recebes notícias minhas ... ksksksksks ... é só "cultura"...ksksksksksks ... mas PODES TER A CERTEZA DE QUE É TUDO RECHEADO DE MUITA TERNURA POR TI...


PS.:Tudo o que tu fazes e postas...é lindo!!!
Creio que devo fazer o melhor de mim,assim, nem preciso de malas...a viagem fica mais fácil!

Lulú disse...


Olá Maria José.
Gosto de ler seus textos.
Apesar da idade ainda estou aprendendo a arrumar minha mala.
Obrigada pelas dicas.
Beijo
Maria Luiza (Lulú)

Ilca Santos disse...

Olá minha querida amiga,
Senti sua falta. Espero que vc esteja bem.
Obrigada por partilhar esse texto maravilhoso e enriquecedor!
A cada dia vamos aprendendo a preparar nossa mala para a grande viagem rumo à eternidade.
Que seus dias sejam felizes!
Beijos.