Páginas

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

CANTO SOLIDÁRIO



Meu sabiá canta como quem chora,
Diversas vezes na mangueira ao lado.
É como se ele conhecesse a hora,
Em que estou triste e ciente do meu fado.
Meu sabiá é mais que solidário,
Parece me mandar seguir em frente.
Conhece bem as contas do rosário,
Que, dia a dia, eu oro penitente.
Dia chegará meu doce passarinho,
Como você eu hei de ter meu ninho,
E fazer festa pro meu bem amado.
Então seu canto ressoará festivo,
Pois finalmente existirá motivo,
Para saudá-lo na mangueira ao lado.

7 comentários:

Malu disse...

Como é sempre belo o canto dos pássaros. Tenho um que vem, se apresentar toda manhã... Colocamos migalhas de pão para ele. Na verdade é um pardalzinho que muito emociona...
Um grande abraço, minha amiga!

Pedro Luis López Pérez disse...

Una belleza hecha Ternura.
Un abrazo.

Cidinha disse...

Oi, Maria. Saudade!! Que belo canto solitário. È um presente toda manhã poder ouvir o canto dos pássaros... Eu me sinto agraciada por ter momentos assim. Muito me encanta! Adorei!! beijos e boa semana.

cantinho da Ione disse...

Olá,
Tem um selinho pra você no meu blog somente de selinhos e mimos que faz parte dos selinhos que ganho no blog Cantinho da Ione,se desejar seguir este blog também fique à vontade.
http://selosemimosdocantinhodaione.blogspot.com.br/2012/11/selinho-da-nil.html
Beijos!!!
A Paz de Jesus!!!
Ione Viana

Rô... disse...

oi amiga,

aqui em casa todas as manhãs tem muitos amiguinhos cantores,
que vem me dar bom dia,
me sinto muito feliz...
adoro pássaros!!!

beijinhos

Fernando Santos (Chana) disse...

Aprendemos a voar como pássaros, e a nadar como peixes, mas não aprendemos a conviver como irmãos.
(Martin Luher King)
Cumprimentos

sonia disse...

Lindo, adoro sabiás mas o da foto é um bem te vi, não? Por algum tempo acompanhei um casal de bem te vis numa árvore que alcançava a minha janela no 3º andar do prédio onde moro, até que uma motoserra acabou com a árvore e com o lar do casal.Foi uma tristeza só.
Abraço!
Sonia