Páginas

domingo, 9 de outubro de 2011

INTENSA



Eu sou assim, ligada na tomada.
Sempre querendo encontrar uma razão pra tudo.
Pessoas como eu sofrem mais. Se decepcionam mais.
Por outro lado, crescemos. Evoluímos. Amadurecemos.
Nada é estático em nossas vidas. Nada é à toa.
Tudo ganha uma compreensão, tudo é degrau, tudo eleva.

12 comentários:

Senhor da Vida disse...

E preciso viver assim, ligar na tomada é se conectar com a vida, mesmo que as vezes algumas voltagens nao sejam boas.Bjks!

Meire disse...

Maria querida,
tudo ganha uma compreensão maior, basta analisarmos e refletirmos tudo o que fizemos e o que fazem ao nosso redor. Essa Martha Medeiros é danada :)
Te amo!!
bjokitas com super carinho.

A.S. disse...

A vida é uma busca permanente... a cada dia vamos descobrindo novas coisas, novas emoções...


Beijos!
AL

Ivana disse...

Também sou assim Maria José, muito impulsiva. Ajo muito com o coração, quero agradar a todos, e muitas vezes precisamos pensar mais antes de qualquer atitude. Mas, vamos aprendendo, crescendo, evoluindo. Uma ótima semana pra você.

cidinha disse...

olá, Maria passando para desejar boa noite.Adoro Estar aqui e ver belas mensagens! Belo texto. Ser ligada na tomada é uma maneira de estar sempre aprendendo com a vida e ter compreenção de tudo que se passa ao nosso redor. Obrigada amiga pelo seu carinho sempre. Passa lá no blog, estou comemorando 1oo seguidores. Bjos!

ONG ALERTA disse...

Náo importa a velocidade o que importa é fazer bem...beijo Lisette.

Suu Munizz disse...

Concordo com o que diz,pena que não sou muito assim,pode até demorar as vezes mais comigo um sim é um sim e um não é um não!ótima semana pra vc,abraço=)

Lizete Delmonte Ferraz disse...

Sabe que só agora percebi que a autoria dos textos está mais pra baixo. Pensava que eram seus escritos...

Mas a vida é mesmo assim, enganos e desenganos...mas no meio disso tudo, vamos descobrindo também coisas boas e que nos fazem feliz...

Um dia lindo...
beijos
Liz

Fernando Alberto disse...

De que serve amadurecer? Ter conhecimento de? Percebermos de que somos constantemente violados, utilizados como meros objectos? Não será verdade de que o reino dos céus será dos pobres de espírito? Então evoluir para onde?

Cynthia disse...

Estar atenta a tudo e vivendo intensamente, isso é bom. Abraço Cynthia.

Nayara Borato disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog Azues. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

http://narroterapia.blogspot.com/

Anônimo disse...

Very good post! We will be linking to this great post on our site.
Keep up the good writing.

my blog: how do you get rid of dry hair