Páginas

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

TRAVESSIAS DA VIDA


As oportunidades da vida são como as brisas nas noites quentes de verão, elas vêm e vão e precisamos aproveitar cada minuto quando estão presentes para nos preparar para o depois.
E quantas vezes elas chegam, vemos, somos conscientes, mas não fazemos nada. Duvidamos, simplesmente, de nós.
São nossas barreiras emocionais, a insegurança, o medo, a falta de fé, que paralisam nossas pernas. Mas Deus jamais nos diz para atravessar sem que Ele nos forneça os meios para chegar do outro lado. Se não vamos, é porque confiamos demais nesse nosso lado humano e de menos na nossa parte que mais se parece com Deus, nosso lado espiritual.
A guerra que se estabelece na nossa cabeça nos momentos de escolha é muito comum e todo mundo passa por isso, sem exceção. Há um lado que nos impede de ir em frente e o outro que nos enche de dúvidas. “E se?” “E se não der certo?” “E se eu não for capaz?” “E se não for isso?”
As desculpas que nós achamos para nos fazer desanimar são quase sempre mais evidentes e, não raro, muitos se apegam a elas e param no meio do caminho, ou seguem outra direção, como aconteceu com Jonas.
Penso em Moisés, quando Deus pediu que fosse libertar o povo de Israel. Ele duvidou e tentou se desculpar dizendo que tinha problemas para falar. Mas o Senhor, com sua infinita sabedoria, retrucou que ele não estaria sozinho. E não estava mesmo. E foi, libertou o povo, o conduziu. Cumpriu assim, a sua parte e tornou-se parte da história da humanidade.
É nosso bom relacionamento com Deus que faz a diferença. Como no amor ou amizade, onde quanto mais próximos estamos de uma pessoa, mais acreditamos nela, mais confiamos.
Quando as oportunidades baterem à sua porta, antes de dizer não com um monte de desculpas que nem mesmo você acredita, olhe para o alto. Se uma vozinha responder dentro do seu coração e sua alma se encher de paz, é que você fez a boa escolha. Vá, então, em frente! Não espere ver todas as soluções de uma vez só, as flores nascem cada uma a seu tempo e há frutos para todas as estações.
Deus, que olha por você, vai plantar no seu caminho, vai te dar coragem, vai te motivar e te empurrar quando for preciso. Ele nunca nos prometeu um caminho sem dificuldades, um mundo sem aflições, mas nos disse para termos bom ânimo.
Moisés, guiado por Deus, atravessou o mar. Não há nenhuma razão para que não atravessemos a vida como mais que vencedores.

12 comentários:

Crista disse...

Estou aqui!!!!!
Como sempre...gostando demais das tuas postagens!
Me sinto tão bemmmmm!!!!
Beijossss...

Sônia Silvino disse...

Maria José!
Mais um momento de grande ensinamento no teu blog!
Bjkas, minha amada!

Jorge disse...

Maria José
muita vez centramos nnas nossas desconfianças, outras vezes, nos desligamos para não encarar as portas que surgem, mas tudo baseado na inconsciência que trazemos. Mas a vida há de nos pressionar para o despertamento. O tempo faz da vida um grande campo de ensinamento e experiências ricas mesmo as não aproveitadas. Tudo para se preparar para o amanhã de luz!!

Meu Anjo,
Beijo,
Jorge

angela disse...

Bonito post amiga, mas a duvída da melhor conduta, as vezes as opções que se apresentam significam uma perda, uma dor em si e no outro...acho tão dificil saber.
beijos

MOMENTOBRASILCOM.blogspot.com disse...

Maria Josè : Mais uma vez fostes "ilumnada" pelo CRIADOR ao postar este texto. Retrata fielmente o medo das pessoas pelo 'desconhecido' e a pouca fé existente na maioria do tempo durante a caminhada da vida. PARABÉNS! Abrçs Roy Lacerda.

Senhor da Vida disse...

Sabias palavras como sempre, com Deus nao ha o que temer nessa vida.Beijos!

Bya disse...

Cheguei aqui e vim bater na sua porta. Belas passagens ...
Estarei lendo...

Pelos caminhos da vida. disse...

Voltar aqui é alimentar ainda mais meu espirito.

Bom dia amiga.

beijooo.

Tanti Moksha disse...

É preciso confiar!

muito bonito o texto!

bjosssss

*Adriana disse...

Bom dia, Maria José!

Linda mensagem!

Bjs
Adriana

Patricia Cristina disse...

Minha vida é aprender.
Obrigada pelo texto, amiga.

manuel marques disse...

Pequenas oportunidades são muitas vezes o começo de grandes empreendimentos .

Beijos.