Páginas

sexta-feira, 24 de junho de 2016

SOLTANDO




Não deveríamos pensar que para ficarmos livres seja necessário as pessoas criadoras de obstáculos se afastarem.
As circunstâncias não vão nos largar, nós mesmos temos de largá-las.
Não deveríamos esperar por nada, mas nos preparar através de uma poderosa atitude mental de desapego.
Ficar influenciado com qualquer coisa é tornar-se como um pássaro que permanece firmemente agarrado ao galho.
Liberdade é soltar o galho.

3 comentários:

Maria Teresa Valente disse...

Boa noite, Maria José!
Sei bem o que é isso Maria José, enquanto não consegui me desvencilhar dos galhos que me prendiam, permanecia amargurada.
Só quando encarei a situação de frente, consegui andar com minhas próprias pernas e tive alta da terapia.
Hoje sou livre, graças a Deus!
Feliz e abençoado final de semana, abraços carinhosos
Maria Teresa

Evanir disse...

Uma visita com muito carinho.
Desejo de coração um abençoado final de semana,
que a paz esteja no seu coração .
Saúde para você e sua amada família.
Beijos ..Evanir.

Maria Gloria D'Amico disse...

O desenrolar da vida está mesmo no desapego e, quase nunca, conseguimos entender ou perceber.