Páginas

sábado, 27 de abril de 2013

CANÇÃO DE UMA CAMPONESA MADAGASCAR



Senhor!
Dono das panelas e marmitas!

Não posso ser a santa que medita aos vossos pés.

Não posso bordar toalhas para o vosso altar.

Então, que eu seja santa ao pé do meu fogão.

Que o vosso amor esquente a chama que eu acendi e faça calar minha vontade de gemer a minha miséria.

Eu tenho as mãos de Marta.

Mas quero também ter a alma de Maria.

Quando eu lavar o chão, lavai, Senhor, os meus pecados.

Quando eu puser na mesa a comida, comei também, Senhor, junto conosco.

É ao meu Senhor que eu sirvo, servindo minha família.

Registrada pelo frei dominicano Raimundo Cintra que reuniu as mais belas orações de diversas culturas.

2 comentários:

Malu Silva disse...

Forte e lindíssima. Eu não conhecia! Vou partilhar, Maria.
Linda noite!

Professor Gilberto Cantu disse...

Olá maria.
Linda oração.
Fazer com que nossas ações diárias sejam um louvor a Deus.
Tudo seria muito mais abençoado.
Paz e Luz em seu coração.
Bom domingo.
Ótima e abençoada semana.