Páginas

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

MAMÃE NÃO TEM NAMORADO



Ontem estive na casa de meu tio e me diverti muito.
Vi minha prima se preparando para a chegada de seu namorado.
Arrumou os cabelos e se perfumou, colocou uma roupa alegre e jovial.
E correu de um lado para o outro vistoriando tudo detalhadamente, para que seu amor não encontrasse nada fora de lugar.
O namorado chegou cheiroso usando uma loção especial.
E quando seus olhos se encontraram parecia que os dois estavam flutuando no ar.
Minha prima logo lhe ofereceu algo para beber e apressou-se a apresentar algumas guloseimas que ela mesma preparou durante a tarde.
Ele elogiou tudo que ela preparou e agradeceu pelo delicioso jantar.
Logo sentaram-se e passaram a brincadeiras e sorrisos por um longo tempo.
Nos momentos em que puderam ficar sós na sala escutaram um ao outro sem perder detalhes de sua conversa e sem soltarem as mãos.
Assim ficaram até a despedida que aconteceu quando meu tio começou a andar de um lado para o outro falando que já estava ficando tarde.
Voltei para minha casa e no dia seguinte perguntei a minha mamãe: - mamãe, quem é o teu namorado?
Ela sorriu e disse que seu namorado é o meu papai.
Eu retruco que não é o meu papai e que a pergunta é séria, mas ela insiste, reafirmando que seu namorado é o meu papai.
Ora, mamãe, como é que teu namorado é o meu papai se nunca o vi chegar com flores ou chocolates?
Como é que teu namorado é o meu papai se ele só te dá presentes no teu aniversário e no natal e nunca o vi dar um presente só por estar chegando em casa?
Como é que teu namorado é o meu papai se nunca te preparas ou melhoras teu vestir quando o papai está para chegar em casa depois do trabalho?
E nem ele sorri encantado quando olha para ti?
Como é que teu namorado é meu papai se não corres para ajeitar o penteado ou retocar o batom quando ouves o ruído da chegada dele e apenas te voltas para dizer um “alô“.
E o meu papai ao invés de dizer “oi meu amor” diz apenas “que dia duro tive hoje”.
E troca logo de roupa procurando ficar mais confortável em frente à televisão?
Como é que meu papai é teu namorado se não perguntas o que ele gostaria de jantar e sim exclamas - o quê, queres jantar?
E quando espero meu papai dizer “que bonita estás“, ele pergunta onde está o controle remoto da televisão.
Os namorados dizem coisas românticas. Eles dizem “como te amo” ao invés de perguntar “foste ao banco?”
Minha prima e seu namorado não param de se olharem.
Mas quando mamãe passa em frente da televisão, papai se inclina para não perder o que está na tela.
Eu acho que ela me disse que eles são namorados para eu não saber que romperam o namoro logo depois que casaram.
Na verdade, meu papai não tem namorada e minha mamãe não tem namorado - que aborrecido isso, são apenas marido e mulher.
Enviado por Jorge do blog Nectan Reflexões
e foi aqui postado, por ser pertinente à proposta do Arca.

12 comentários:

Evanir disse...

Estou passando mais cedo para desejar um feliz final de semana.
Meu fim de semana se Deus quiser será muito feliz e com certeza Deus quer.
Na sexta se casa meu neto logo serei bisa que benção não é mesmo?
Com alegria vendo minha terceira geração.
Um lindo e abençoado final de semana.
Fique com Deus e os carinhos meus.
Evanir.

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Maria José, gostei do texto...Espectacular....
Cumprimentos

Maria Adeladia disse...

Belíssimo texto!

Bjs, Maria José, minha amiga especial.

Cidinha disse...

Olá, Maria. Tem muito de verdade nesse texto! Muitos casais passam indiferente pela vida. Esquecendo de regar a flor que se chama amor. Assim o amor passa despercebido. Bjos! Tenha uma boa quinta feira.

Ilca Santos disse...

Belo texto amiga, perfeito, retrata uma grande verdade!
Feliz dia!
Beijos

Um brasileiro disse...

Ola´. Muito bom o texto. Ela está corretissima. Gostei. Apareça por la. Abraços.

Rô... disse...

oi minha querida,

a sementinha do amor está aí,
mas requer cuidados,
regar e adubar tem que fazer parte do processo,
senão ela não vira nada mesmo...
belíssimo texto!!!
valorizar o amor é fundamental...

beijinhos

Kinha disse...

Não se pode deixar de namorar.

ValeriaC disse...

É sempre com lamento que vemos isso acontecer aos montes por aí, do encantamento do tempo de namoro, tudo se transformar de tal forma que é de se estranhar mesmo.
É bem triste quando as pessoas não cuidam com carinho se seus amores e passam a vê-los como algo tão normal, tão "à mão" que não requer cuidados, carinho e atenção.
Beijinhos,
Valéria

Mari disse...

Oi querida Maria José, quanta verdade contida neste magnífico texto!! A grande maioria dos casais são assim, apenas marido e mulher...só são namorados antes do casamento. É uma pena...o amor é tão lindo, nos faz tão bem...Por isso que eu me esforço a cada dia para manter vivo o meu namoro de 22 anos...
Beijos no coração!♥
Mari

Paty Michele disse...

Eu, que já tive marido e agora tenho namorado, acho muito melhor namorar.

Um abraço

Anônimo disse...

Hurrah, that's what I was looking for, what a stuff! existing here at this website, thanks admin of this web page.

Feel free to visit my page :: get rid of garlic