Páginas

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

AMOR, RESPEITO E LIBERDADE!



Aquilo que existe em mim e faz parte de mim, pode ser transformado, se eu quiser.
Aquilo que é do outro só pode ser transformado por ele e será compreendido e aceito por mim, dentro dos meus limites, se existir respeito.
Posso falar ao outro como me sinto em relação ao que ele faz ou diz se houver liberdade.
Não posso afirmar: “Aquilo que o outro fez ou disse me feriu.”
Eu é que me feri com Aquilo que ele fez ou disse. Tenho opções.
Eu sou dono das minhas emoções, sensações e sentimentos.
Também das minhas atitudes, pensamentos e palavras!
Maravilha...
Não é coerente dizer que fiz algo para alguém só porque alguém fez isso comigo primeiro.
Se eu agisse assim eu seria apenas resposta e eco sem vida.
É mais valioso optar por agir ao invés de apenas reagir.
É mais sensato perceber que sou dono das minhas ações e se faço algo, sou o responsável. Por isso, tenho escolhas.
Reconheço que as rédeas do meu destino estão nas minhas mãos e me recuso a segurar as rédeas do destino do outro. É meu direito.
Busco o AMOR em sua mais bela expressão e por isso abro mão de querer ter o controle sobre a vida do outro.
Amém...
Quero amar com liberdade!
Quero amar com plenitude!
Quero Amar antes de tudo, porque é bom.
AMAR com RESPEITO e LIBERDADE!
Texto enviado por Roy Lacerda do blog
MomentoBrasil e foi aqui postado, por ser pertinente à proposta do Arca.

11 comentários:

AugustoCrowley disse...

perfeito

Rô... disse...

oi minha querida,

depois disso:
Quero amar com liberdade!
Quero amar com plenitude!
Quero Amar antes de tudo, porque é bom...
não preciso dizer mais nada...
já disse tudo!!!
amei...

beijinhos

Anônimo disse...

Estava eu com o coração pesado, com uma mágoa profunda de uma determinada criatura, pensando no modo de agir das pessoas, então pensei que devia me livrar deste sentimento, pois ele apenas me prejudica. Pedi orientação, e fui "conduzida" pelas Forças do Sincronismo Cósmico ao seu blog. Estas palavras foram entrando de par em par dentro de mim, e era o remédio exato que eu precisava neste momento. Agora começa a batalha para colocá-las em prática, e talvez como alguns remédios, seja meio amargo. Não é fácil mudar. Não é fácil extirpar a dor e a mágoa, porém quando se sabe o caminho, resta apenas usar de toda persistência e garra para vencer a nós mesmos. Obrigada por ser o Anjo do meu dia de hoje.

ValériaC disse...

Adorei ler querida, palavras de pura sensatez...
Beijinhos e doce dia...
Valéria

josenaide coelho disse...

Lindo texto
amooooooooo
vir até aqui
Boa tarde!

Mari disse...

Sentí a leveza das palavras entrando em meu ser...belíssimo texto!
Tenha uma ótima semana de luz!♥
Mari

Talita disse...

Postagem maravilhosa !!!!

Gostei mesmo, da pra refletir muito, principalmente sobre individualidade, respeito e liberdade...

Paz

LUCONI disse...

Maria especialmente sábio e belo este texto, excelente a tua escolha, já estava com saudades de você, mas é tão bom viajar não é? beijos Luconi

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

: “Aquilo que o outro fez ou disse me feriu."
É muito comum dizermos isto, muitas mais vezes do que quando alguém diz ou faz algo que nos agrade, mas...o outro é um individuo e, como o nome indica é único; ele pode e deve expressar livremente as suas opiniões
desde que o faça com educação. Nós é que temos de ter sabedoria suficiente para entender que era essa a opinião dela e simplesmente foi sincera. Eu gosto muito de pessoas autênticas, que dizem o que realmente pensam e se me sentir magoada e se essa pessoa valer a pena como pessoa eu digo-lhe com todo o respeito e sinceridade que me senti magoada. Quando eu consigo fazer isto, pois há pessoas que não nos dão essa oportunidade, o caso fica resolvido e a amizade ou simplesmente um relacionamento que havia, continua. Sabe quando me sinto magoada? É quando uma pessoa não sabe ser livre nas suas opiniões e então vai dá-las a terceiros e não à própria pessoa; para mim essas pessoas não sabem que são individuos e que têm todo o direito de pensar diferente. Como diz Chico Xavier..." são pessoas que amam mais ou menos...são amigos mais ou menos...são pessoas mais ou menos.. Belo texto no qual devemos refletir. Um beijinho e até breve
Emília

nanáh disse...

"AMAR com RESPEITO e LIBERDADE!"

Adorei ler tantas verdades nesses texto!

beijinhos

Ananda

Anônimo disse...

Faltou colocar os créditos do autor e o texto entre aspas. Kali Mascarenhas, ficaria feliz de ser citado! Fica a dica.