Páginas

domingo, 18 de dezembro de 2011

NOSSO ESPÍRITO



Porque estamos no mundo?
O que pretende Deus de nós?
Sabendo que Deus é inteligência suprema, causa primária de todas as coisas, eterno, imutável, imaterial , único, onipotente, soberanamente bom e justo, estas são sempre as duas perguntas que nós fazemos.
Sabemos que o homem é um espírito, ou alma, se preferes dizer, encarnado em um corpo material, mas... por que veio ele habitar neste planeta, entre milhões de estrelas deste Universo imenso?
Nosso planeta é considerado pela espiritualidade, um Planeta de Provas e Expiações, no entanto, procuramos nele a felicidade e essa é, naturalmente, a meta de todo indivíduo.
Mas por que tanto sofremos?
Porque não procuramos a evolução do nosso espírito. Caímos, levantamos, caímos novamente, sem nos darmos conta de que somente cresceremos com o amor e o perdão.
E é tão difícil assim perdoar?
É difícil porque nos falta o conhecimento das leis morais de Deus. Nosso orgulho nos domina, nosso egoísmo nos transforma em seres maus.
Mas quando olhamos para o infinito e sentimos a presença de Deus na beleza do Universo, em toda a Natureza, então nos damos conta que algo mais encontra-se incógnito em nossas vidas.
E começamos a ter fé na sabedoria do Pai que criou os mundos e a nós, seres hoje em diversos graus da evolução.
Mas para que evoluir, se ao morrer nos tranformaremos em pó?
Ledo engano.
Ao morrer, quando nos damos conta de que a vida continua, nossa existência passa frente aos nossos olhos, e nossas faltas se nos parecem enormes.
No entanto, Deus que é Pai, não nos envia para o inferno, porque ele não existe, mas o sentimos em nossa consciência. O Pai amado, nos oferece a oportunidade de reencarnar, exatamente para que possamos nos reajustar perante as leis do amor. E perante essa grandeza caímos de joelhos implorando seu perdão.
Então, planejamos ou nos é planejada nova vida material, exatamente com aquelas pessoas com quem falhamos.
Diante de tamanha perfeição, por que te atormentas tanto?
Diante de tanta justiça, por que não pensas em ser melhor?
Por que não começar a ver nosso próximo como nosso verdadeiro irmão, sem nos fixarmos em sua raça ou cor, vendo nele somente um companheiro da jornada evolutiva a caminho da evolução?
Assim, passarás a ver a vida exatamente como ela é. Com paz, alegria e imensa vontade de viver.
Poderás caminhar, respeitando o próximo e enxergando mais além, sabendo o quanto nos prejudicam o ódio e o rancor.
Um dia teremos de nos harmonizar com nossos semelhantes, pois sabemos que muito nos será cobrado até que venhamos a ter a capacidade de amá-lo.
Ama a teu próximo:
- Aquele por quem tens rancor, poderá ter sido um teu familiar muito querido.
- A mulher que desprezas hoje, poderá ter sido tua mãe, tua irmã, tua filha. Nunca desprezes a ninguém.
- Ama a humanidade, perdoa o infeliz que não compreende teus princípios e tua fé. Independente de tua religião, ama sempre.
Lembre-se que Deus é amor.
Este é o caminho para tua felicidade.
Se cada um fizer sua parte, a humanidade em breve se reformará.
Enviado por Carlos Varoli do Blog
Carlos Espírita e foi aqui postado, por ser pertinente à proposta do Arca.

15 comentários:

Um brasileiro disse...

oi. tudo blz? muito interessante. bjus.

Ivana disse...

Olá Maria José,
Maravilhoso! Quando perdoamos, sentimos alívio, paz, vivemos bem e feliz. Perdoar é um ato de amor.Uma semana muito feliz pra você, bjs

O SENHOR DO TEMPO disse...

boa noite
vim prestigiar o teu artigo

boas festas

bruno

Maria Adeladia disse...

Amiga do coração...Maria José!

È exatamente assim que estou tentando viver, sempre perdoando. Nunca deixar a raiva, o rancor invadir meu espírito!
Todas as impurezas do mundo, prejudica nós mesmos!

Hoje, gosto de ouvir a Palavra de Deus, pois é pela Palavra que entendemos tantas coisas...que acontecem nas nossas vidas.Crescemos com seres humanos mais perfeitos.

Beijos, minha querida, e que Deus esteja sempre com vc.

Cidinha disse...

Olá Maria. Perdoar é difícil. Más podemos aprender com a vida e assim fica fácil o perdão. Lindo texto! Bjos e linda semana.

Luna Sanchez disse...

Quando invertemos a pergunta, assim como o texto sugere, tudo fica mais claro.

Gostei muito da leitura.

Um beijo, flor.

Vieira Calado disse...

Olá, como está?

Hoje é só para lhe enviar os meus votos de

FELIZ NATAL.

As minhas mais cordiais saudações.

Bloguinho da Zizi disse...

A resistência no perdão mostra que o nosso ego é quem comanda e não a nossa Essência.
Mas estamos caminhando. Mesmo que os passos sejam curtos, caminhamos.

Beijinhos Maria José

Meire Oliveira disse...

Maria querida, quando não perdoamos alguém é em nós que fica uma mancha e só a nós mesmos fazemos mal. Temos que ter em mente que todos somos pessoas falhas, tbm erramos e procuramos aprender com nossos erros. Viver com raiva das pessoas que nos fizeram mal é reviver um momento de dor por muiiiiiiiiiiiiiiito tempo. Esses dias li um texto que dizia que perdoar não é esquecer o que a pessoa nos fez, ou ser amiga dele/dela, mas tirar as mãos do pescoço dele/dela. Parar de sentir raiva.

Super beijokita pra vc querida com muito amor e carinho.

Gislene disse...

Você sabe o que é o Amor Insuperável?
Espero você em meu blog, amiga!

Beijo e uma linda semana!

Gi.

Rô... disse...

oi minha amiga querida,

tem razão,
se cada um de nós fizer a sua parte,
todo o resto se encaixa,
e fica fácil o mundo mudar...
lindo texto,
adorei ler...

beijinhos

★ Flordeliz ★ disse...

Olá Amadinha!!!

Valeu a visitinha e comentário viu mocinha, espero você mais vezes no meu cantinho tá!!!


Beijinhos e fique com Deus

www.ohlouka.com

AugustoCrowley disse...

Realmente depois que o perdao se estabelece entre duas ou mais pessoas, como a energia muda, como a visao de vida fica melhor.
Amar sempre e mais pratico, mais valioso do que odiar. Grande beijo a todos!

MOMENTOBRASILCOM.COM disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MOMENTOBRASILCOM.COM disse...

MARIA JOSÉ:
Eis abaixo a resposta das perguntas iniciais do texto:
"O Pai amado, nos oferece a oportunidade de reencarnar, exatamente para que possamos nos reajustar perante as leis do amor. E perante essa grandeza caímos de joelhos implorando seu perdão.
Então, planejamos ou nos é planejada nova vida material, exatamente com aquelas pessoas com quem falhamos".
E o pq da Terra ser um planeta de "Provas e Expiações", amor. Bjs. Roy Lacerda.